Patio de lindaraja

PATIO  DE  LINDARAJA
ALHAMBRA

1999 - 2002
52 X 80 cm.


Um caminho nos traz de volta ao passado.
A necessidade de descanso, refúgio em silêncio alterado apenas pela natureza. Nós sentamos para curtir a todos e com todos os sentidos. Eles são os mesmos tijolos que viram os séculos de mudanças neste pátio. Eles falam de quem os criou e das plantas que os cobriam, dos dias de vento e água, de frio e neve. Eu ouço o gotejamento de água e o cheiro de flor de laranjeira e madeira de buxo enquanto minha mão passa por seu matagal. Os pássaros, pardais hoje e quem sabe uma vez, nos encorajam em conversas curiosas à sombra dessas copas frondosas.
Neste lugar calmo, cheio de luz, cor e água, folhas, fixando nossos olhos, fundimos-nos na piscina da fonte em um momento de nossa história. Talvez Irving esteja esperando para nos contar mais coisas.

               Dr. Abad.

.
.
.
229